Petista Cesário Braga ataca Gladson em texto, que responde: “Agressões como essas serão levadas à Justiça”

Publicado em 16/05/2018 - 10:51 | Por Redação

 
 

Em um texto intitulado “Gladson Cameli um comparsa de Michel Temer, aliado de Aécio Neves (PSDB) e de sua quadrilha do PP”, o secretário de Organização Partidária do PT, Cesário Campelo Braga, ataca o senador e pré-candidato progressista ao governo do Acre ao comentar, entre outras coisas, que Gladson “finge que não lembra que é um aliado para todos os momentos, um comparsa incondicional de Michel Temer, saqueador dos cofres públicos que se sustenta através do apoio de parlamentares cúmplices legítimos dos crimes e dos recentes castigos aplicados ao povo e à classe trabalhadora de todo o Brasil”.

O texto, na verdade, é parte de um conjunto de estratégias eleitoreiras do PT do Acre e aliados que tem por objetivo desgastar na opinião pública a imagem de Gladson ao juntá-la ao emedebista Temer.

“Gladson (PP), que costuma utilizar adjetivos pejorativos e imputar crimes aos que lhe fazem oposição, não tem a mesma indignação diante dos inúmeros crimes praticados por seus aliados. Em episódio recente foi o fiel defensor de Aécio Neves (PSDB) e não titubeou na hora de votar e livrá-lo de seguir o caminho da perda de mandato e possível reclusão”, diz o texto.

Cesário cita ainda um ranking de partidos envolvidos na Lava Jato e lembra que “dos 46 deputados do PP em exercício, pelo menos 27 são alvos de investigações por uma infinidade de supostos crimes”. Cita também que Gladson teve seu nome envolvido no esquema de propinas, mas foi “estranhamente retirado processo”.

Procurado para comentar o texto do petista Cesário, Cameli disse que “não vai baixar o nível da discussão que tem que ser pautada por propostas” e prometeu acionar a Justiça.

“Quem me conhece sabe que as minhas campanhas são iguais a minha trajetória pessoal e pública: de respeito pelas pessoas e pelas famílias do Acre. Não vou baixar o nível da discussão que tem que ser pautada por propostas. Mas os ataques a minha honra e da minha família não serão tolerados. Vou defender a minha família e agressões como essas serão levadas à Justiça. Quem mente, ataca e agride vai ter que enfrentar a Lei”, diz Cameli.

fonte:ac24horas

Veja também

Comentários

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.