Barragem do Lago Paranoá pode desabar, alerta Sinduscon

Publicado em 05/02/2018 - 15:49 | Por Redação

A barragem do Lago Paranoá corre risco de desabamento, afirmou o presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Distrito Federal (Sinduscon), Luiz Carlos Botelho. O alerta aconteceu em entrevista aoCB.Poder desta segunda-feira (05/02), programa exibido pela TV Brasília, com transmissão simultânea pelo Facebook do Correio. “Ela foi feita para conter e formar o lago; não é uma estrada para circularem as cargas verticais da mobilidade urbana. Há questões estruturais fortes”, destacou.

O representante da entidade ressaltou que, com o desastre, o Lago Paranoá, que é artificial, desapareceria. “Esse estudo foi feito há alguns anos. Houve apenas medidas paliativas”, apontou o representante da entidade, frisando que os danos são facilmente visíveis.

Botelho complementou que o Sinduscon iniciará uma campanha para tornar o assunto prioritário ao governo. “A providência deve ser a prioridade absoluta em investimentos de infraestrutura e a construção de um meio efetivo de uso para atravessar a Lago. Tem de ser construída uma ponte acima da barragem. Mas isso não pode mais demorar”, alertou.

O presidente do Sinduscon afirmou que, por ora, não é possível estimar quanto as obras custariam aos cofres públicos. Durante a entrevista, Botelho ainda falou sobre as possíveis causas do desabamento da estrutura de concreto no bloco C da 210 Norte, que causou danos a ao menos 25 carros e abordou a necessidade de recorrentes vistorias nas obras erguidas há quase 58 anos na capital.

Veja também

Comentários

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.