“Alucinações” em passageiros impede voo com destino ao Acre de decolar em Porto Velho

Publicado em 07/02/2018 - 11:22 | Por Redação

Um caso inusitado ocorreu no Aeroporto Internacional Jorge Teixeira nesta segunda-feira (05). Enquanto a aeronave da Gol Linhas Aéreas preparava para o procedimento de decolagem, dois passageiros entraram em “colapso” e forçaram o retorno do avião para a área do desembarque. O contratempo gerou atrasos e muitas reclamações a bordo.

De acordo com testemunhas, os dois passageiros seriam da mesma família e teriam passado mal momentos antes da decolagem do voo [1709] procedente de Brasília (DF) com destino à Rio Branco (AC). O voo teria sua continuação após pernoite no Aeroporto Internacional da capital rondoniense.

A suspeita de que o casal haviam ingerido, momentos antes de embarcar, o chá da Ayahuasca. “Os dois gritavam muito dizendo que o avião cairia, daí, o piloto informou que faria o desembarque da família. Houveram boatos de que eles tinham bebido o chá do santo daime por isso as alucinações. Os tripulantes evitaram falar, mais alguns passageiros confirmaram o fato”, disse uma passageira que relatou ainda muita demora tendo em vista que as bagagens dos envolvidos foi retirada do avião e que um novo documento do voo teve que ser impresso.

A Gol Linhas Aéreas foi questionada sobre o episódio. À nossa reportagem, confirmou que apenas uma passageira havia passado mal, porém, informou que não comenta o estado clínico de seus clientes que por ventura sofram algum problema de saúde durante o voo. Ela informou também que após o incidente, o avião pousou normalmente no aeroporto de Rio Branco.

Avião alternou – No último domingo (04) a aeronave da Gol Linhas Aéreas procedente de Brasília (DF) teve que alternar seu pouso em Rio Branco (AC) para o Aeroporto Jorge Teixeira devido às condições meteorológicas. Uma forte neblina tomou todo o espaço aéreo impossibilitando o procedimento de pousos e decolagens no aeródromo do Acre.

Ao chegar ao aeroporto de Porto Velho, o avião ficou estacionado esperando que a massa de neblina pudesse dissipar em Rio Branco, fato que não aconteceu não longo da madrugada. Por quase três horas, a base aérea da Gol autorizou o desembarque dos passageiros. Como de praxe, reclamações e desencontro de informações foram registrados entre os viajantes e os agentes da Linhas Aéreas.

Fonte: News Rondônia

Veja também

Comentários

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.